Dicas Empreendedorismo

Como ter uma mente empreendedora?

Geyvson Andrade
Escrito por Geyvson Andrade

Não ter um horário a cumprir, não ter um chefe, criar o próprio negócio. Essas são características comuns entre as pessoas que desejam investir naquilo que amam. Entretanto, no decurso do projeto, é normal esbarrar em algumas dúvidas. Isso decorre principalmente em virtude da maneira que o pensamento empreendedor é visto no Brasil, embora esse fato venha mudando nos últimos anos. Nesse sentido, para ajudá-lo a continuar persistindo no seu objetivo, produzimos esse artigo com algumas dicas que você deve valorizar para manter intacta a sua mente empreendedora. Vamos conferir? 

Visão ampla da sociedade e do mercado 

Duas coisas que são indissociáveis: sociedade e mercado. Qualquer pessoa que queira se destacar deve ter noção de que esses dois eixos devem ser prioridade na reflexão. Mas o que diferencia um grande empreendedor de um simples empreendedor é o pensamento visionário. De que modo eu posso mudar o mundo? Essa é uma questão que está volteando o seu pensamento? Se a resposta for o contrário, procure sanar esse imbróglio. Tenha sempre em mente: problema deve ser a sua matéria de trabalho, não a condição do seu pensamento. 

O que determina o seu sucesso é a coragem, a ousadia e a criatividade

É importante ter fixo de que não basta ter uma grande ideia. Muitos têm grandes ideias. Todavia, o que determina o sucesso de cada um é a coragem, a ousadia e a criatividade. Sendo assim, compreenda que o seu êxito é um resultado do seu comprometimento com essas características. Assim, pode até surgir durante o percurso alguns desafios, mas se a sua mente estiver treinada para lidar com eles a partir dessas três linhas de frente do pensamento empreendedor, certamente você os ultrapassará com maestria. 

Persistência é complemento de competência

Dentro do empreendedorismo, o que não se pode negar é a intrínseca relação entre persistência e competência. Fazer acontecer é comum, mas fazer acontecer com excelência é característica fundamental daqueles que sabem tomar atitudes com sabedoria. Parcerias adequadas, soluções criativas, confiança em si mesmo. Três habilidades, moldadas pela persistência e pela competência, que distingue aqueles que sabem desenvolver a si mesmo e trabalhar para alcançar os seus objetivos. 

Você confia em si mesmo?

Ser empreendedor significa arriscar-se o tempo todo. Criar o hábito de dialogar consigo mesmo sobre como agir não só serve para ajudar a tomar decisões, mas também é primordial para a saúde mental. Estar no mercado compreende enfrentar desafios cotidianamente. Diante disso, ser íntegro consigo mesmo, e tornar-se inabalável frente às demandas é o passo indispensável para o empreender de êxito. Com a confiança internalizada, resta ir em busca dos seus objetivos. Portanto, pense, acredite e, por fim, faça escolhas.

Quer mais dicas como essas, fique atento ao nosso blog semanal. Todas as semanas trazemos informações atualizadas do mundo da tecnologia e do mundo dos negócios.

Sobre o autor

Geyvson Andrade

Geyvson Andrade

CEO da Emconexão Sistemas, Empreendedor, Pós Graduado em Gestão Pública, Jornalista, Bacharelando Direito.

Deixe uma resposta

Navegação